Enter your keyword

post

Abelhas ficaram menores nos últimos 30 anos, e a culpa é do aquecimento global

fotografia de abelhas europeias

Pesquisadores da Espanha vêm estudando abelhas de um parque nacional há 33 anos – e perceberam que os insetos estão perdendo peso, provavelmente devido ao aquecimento global. A conclusão é de um estudo publicado este mês na revista Ecological Society of America.

A equipe liderada por Carlos Herrera, do Conselho Nacional de Pesquisa da Espanha, coletou mais de 1.700 abelhas pertencentes a 137 espécies e 27 gêneros desde 1990. (Confira nesta lista quais foram as espécies coletadas). A coleta rolou no Parque Natural Sierras de Cazorla, Segura y Las Villas, a maior área selvagem protegida da Espanha.

Os pesquisadores pesaram parte destas abelhas em laboratório ao longo destes anos e descobriram que a massa corporal média dos insetos caiu 0,7% ao ano, em média, durante o período do estudo – ou 20 miligramas. 

Espécies maiores foram as mais afetadas, perdendo até 0,9% de sua massa corporal. Há abelhas que pesavam 1,2 grama em 1990, e agora pesam em média 0,9 grama, por exemplo. Além disso, os pesquisadores também notaram que está cada vez mais difícil encontrar indivíduos das espécies maiores no parque.

Por que as abelhas estão encolhendo

Herrera e seus colegas afirmam que as mudanças climáticas podem explicar a diminuição do tamanho das abelhas. As temperaturas máximas da região aumentaram, em média 1,4°C desde 2000. E a reserva ambiental, longe de atividade urbana e agrícola, não sofre com pesticidas, incêndios e espécies invasoras.

O aumento de temperatura também pode ter estressado as plantas do parque – e diminuído a produção de néctar e pólen, alimento das abelhas. E, por isso, elas estariam encolhendo desde 1990. 

O problema é que isso vira um ciclo: abelhas menores podem carregar menos pólen e produzir menos filhotes. Isso pode diminuir as populações de abelhas no parque – e a polinização das plantas.

Herrera e sua equipe afirmam que dados preliminares sobre as populações de abelhas no parque sugerem que algumas espécies estão prestes a atingir um ponto de inflexão em que sua sobrevivência estará em jogo.

Não é a primeira vez que cientistas mostraram que o aquecimento global está atrelado ao encolhimento de certos animais. Estudos anteriores descobriram que animais como abelhas e peixes tendem a se desenvolver mais rapidamente em ambientes mais quentes, atingindo tamanhos menores.

Além disso, outro estudo, publicado em 2019, percebeu, por exemplo, que a envergadura de 49 aves migratórias de 52 coletadas EUA diminuiu nas últimas quatro décadas.

Assine a newsletter do Gizmodo

The post Abelhas ficaram menores nos últimos 30 anos, e a culpa é do aquecimento global appeared first on Giz Brasil.