Enter your keyword

post

5 vídeos que mostram a força do terremoto em Taiwan

Um forte terremoto de magnitude 7,7 deixou nove pessoas mortas e mais de 900 feridas em Taiwan nesta quarta-feira (3). Estima-se que pelo menos 26 edifícios desabaram, sendo mais da metade na cidade de Hualien, na costa leste da ilha. Cerca de 50 pessoas estão desaparecidas, de acordo com as autoridades locais.

O terremoto também foi sentido em cidades da costa da China continental, incluindo Xangai. Além disso, um alerta de tsunami foi emitido no Japão, mas foi cancelado horas depois.

Imagens registradas mostram os estragos que o tremor de terra causou. Esse é o terremoto mais forte registrado em Taiwan nos últimos 25 anos. Veja os registros.

Impacto no mercado de chips

Por causa do terremoto em Taiwan, a TSMC (Taiwan Semiconductor Manufacturing Company), a maior fabricante de chips semicondutores do planeta, paralisou suas atividades. Além de produzir a maioria esmagadora dos chips do planeta, a marca tem em sua lista de clientes alguns gigantes da tecnologia como Apple, Nvidia, entre outras.

Aliás, o Giz Brasil explicou neste post o impacto que o terremoto no país asiático pode ter no mercado global de chips.

O que causa um terremoto?

A ocorrência dos terremotos está diretamente relacionada ao movimento das placas tectônicas e, mais especificamente, em suas falhas geológicas. Em alguns casos, essa falha nem é visível na superfície, ocorrendo muitos e muitos quilômetros abaixo. Porém, se o sismo tem uma grande intensidade, as vibrações produzidas são sentidas na superfície.

O Brasil, em razão da sua localização geográfica — que fica em uma grande placa tectônica única –, não registra terremotos de grande magnitude. O país também não está situado em uma região de contato de placas tectônicas, portanto, não possui atividade sísmica significativa.

Mapa interativo de terremotos

Para ilustrar os terremotos que acontecem ao redor do mundo, pesquisadores da Universidade da Califórnia, nos EUA, elaboraram este mapa interativo que mostra terremotos ao redor da Terra em tempo real. Saiba mais aqui!

Para acessar a plataforma basta clicar na imagem

O gráfico permite ver, por exemplo, a localização, data, hora e magnitude dos terremotos que ocorreram até uma hora (círculos em vermelho), dia (roxo) ou uma semana antes (amarelo). Assim, os usuários podem selecionar pontos específicos, alterar a gama de dados e observar padrões de atividade sísmica em escala global, nacional, regional e até mesmo local.

Assine a newsletter do Giz Brasil

The post 5 vídeos que mostram a força do terremoto em Taiwan appeared first on Giz Brasil.